Tholos de Paimogo

A tholos de Paimogo fica a uma distância de 200 metros do mar, à cota 50, junto a uma linha de água, no extremo Norte do concelho da Lourinhã.

Descoberta em 1968 por Leonel Trindade, acabou por ser escavada em 1971.

A tholos é constituída por uma câmara ligeiramente elíptica e por um corredor construido com base nas técnicas de muros de pedra. Os arqueólogos referiram-na com tendo uma primeira fase, a qual se poderá caracterizar como não túmulo, mas como santuário com respectivo altar, tendo sido depositadas contas de calcário, enxós e alguns utensílios de siléx. Somente numa segunda fase a tholos é utilizada como túmulo, seguida da sobreposição dos campaniformes que se encontram emcamadas superiores ou no corredor.

Hoje, a totalidade do espólio encontrado é pertença do Museu Leonel Trindade em Torres Vedras.